Energisa será investigada por troca de relógios sem aviso
ertertert
asdasdasd
Sexta-feira | 02 de Junho de 2017    13h45

Energisa será investigada por troca de relógios sem aviso

Também serão analisadas reclamações de contas emitidas por erro na medição com pouco prazo para pagamento

Fonte: Top Midia News

 

A Energisa S.A. vai ser investigada por supostamente trocar o relógio medidor de energia elétrica, com substituição do analógico, aquele de ponteiros, pelo eletrônico (digital), sem comunicar ao consumidor. O inquérito civil foi instaurado na segunda-feira (29), na 43ª Promotoria de Justiça de Campo Grande.

A denúncia partiu do próprio MPE (Ministério Público Estadual). Também serão analisadas reclamações de que a Energisa, em casos de deficiência de medição, estaria enviando fatura com o valor apurado pela diferença entre o medido e o efetivamente consumido para pagamento em prazo exíguo ou mesmo para débito em conta, sob pena de interrupção do fornecimento de energia elétrica.

A investigação será conduzida pelo promotor Luiz Eduardo Lemos de Almeida, que colocou o processo em sigilo. Em nota, a Energisa destacou que a denúncia tem como base apenas uma reclamação e que está prestando os esclarecimentos necessários diretamente para o órgão investigativo.

"As informações sobre a regularidade e legalidade da atuação e dos procedimentos adotados pela Energisa foram apresentadas à Promotoria. A Energisa se coloca à disposição para colaborar com o Ministério Público e assim, esclarecer os fatos", declarou. 

www.diariodoestadoms.com.br
© Copyright 2013-2018.