Lais Souza diz que vê evolução lenta e mantém esperança sem se iludir
Quarta-feira | 16 de Janeiro de 2019  |    (67) 3291-3668  
 (67) 3291-3668  
Expediente  |  Anuncie  |  Assine  |  Contato
Sexta-feira | 02 de Fevereiro de 2018    10h40

Lais Souza diz que vê evolução lenta e mantém esperança sem se iludir

Em 27 de janeiro de 2014, a ginasta Lais Souza se preparava nos Estados Unidos, para a Olimpíada de Inverno de Sochi, onde competiria no esqui aéreo, quando sofreu um acidente.

Fonte: GE
Foto: Divulgação

Em 27 de janeiro de 2014, a ginasta Lais Souza se preparava nos Estados Unidos, para a Olimpíada de Inverno de Sochi, onde competiria no esqui aéreo, quando sofreu um acidente. Na queda, ela sofreu uma fratura na vértebra C3 e perdeu os movimentos abaixo do pescoço. A ex-ginasta posta vídeos de seu tratamento na internet e, embora as mudanças sejam pequenas, ela afirma que percebe gradualmente a evolução de seu corpo. Embora entenda a gravidade da sua lesão, ela sonha em recuperar algum movimento.

www.diariodoestadoms.com.br
© Copyright 2013-2019.