• Painel de Controle
Segunda-feira, 23 de Julho de 2018
Expediente      Anuncie      Assine

Coxim - Segunda

20ºMIN31ºMAX

Coxim - Terça

18ºMIN30ºMAX

Coxim - Quarta

17ºMIN30ºMAX

Coxim - Quinta

18ºMIN31ºMAX

Aquidauana é "contemplada" com ponte de R$ 1,7 mi
Desenvolvimento

JNE              18/07/2017    12h46

 

O Governo do Estado vai construir uma ponte de concreto de 40 metros de comprimento por 10 de largura sobre o córrego das Antas, na MS-450 em Aquidauana – município considerado portal para o Pantanal junto com Anastácio. O projeto da travessia foi encaminhado para licitação, mas a estimativa é de que sejam investidos R$ 1,7 milhão na obra.

A construção, para o governador Reinaldo Azambuja, objetiva o desenvolvimento e o progresso da região. “Pontes são alternativas de transporte e produção”, afirma o gestor. Segundo ele, o Estado prevê investimentos de mais de R$ 104 milhões em 90 pontes de concreto em 39 municípios de Mato Grosso do Sul.

“Dessas 90 pontes, 31 já entregamos, 21 estão em execução e outras 38 passam por processo de licitação. Vamos totalizar o maior número de pontes de concreto já construídas em Mato Grosso do Sul. Isso significa desenvolvimento, progresso e, principalmente, integração entre nossos municípios”, pontuou o governador.

GUIA LOPES DA LAGUNA
Operários da construção civil trabalham em ritmo acelerado para erguer uma ponte de concreto sobre o Rio Santo Antônio, na MS-382 em Guia Lopes da Laguna – distante a 213 quilômetros de Campo Grande. A nova estrutura vai substituir a travessia que foi inaugurada em abril de 2012 e desabou em efeito dominó em janeiro de 2016 por causa das fortes chuvas de verão.

Diversas frentes de trabalhos são desenvolvidas no canteiro de obras. No processo construtivo, as equipes trabalham na confecção das cortinas e tubulões, que vão dar origem aos pilares; e na terraplanagem da beira do rio para retificar o eixo da estrada. No rio, a ponte nova é construída ao lado dos escombros da estrutura antiga – que ainda estão no rio por decisão da Justiça.

Ao contrário da ponte anterior, que tinha 60 metros de comprimento e espaço para passagem de apenas um veículo, a nova estrutura terá 80 metros de extensão, duas pistas e uma passarela. O projeto foi contratado pelo Governo do Estado por R$ 4,7 milhões, e a construção foi autorizada pelo governador Reinaldo Azambuja em março deste ano.

Regiões
As pontes pensadas pelo Governo do Estado para promover a integração dos municípios vão atender várias regiões do Estado. Na região de Campo Grande são beneficiados os municípios de Corguinho e Dois Irmãos do Buriti. Na Grande Dourados são contemplados Caarapó, Deodápolis, Glória de Dourados, Jateí, Maracaju e Rio Brilhante. No Bolsão são beneficiados Cassilândia, Chapadão do Sul, Paraíso das Águas e Paranaíba. Na região do Cone Sul, estão relacionados Eldorado, Iguatemi, Japorã, Juti e Naviraí.

Na região do Pantanal, os municípios irmãos Anastácio e Aquidauana são contemplados. Na região Leste as pontes de concreto chegam a Batayporã, Ivinhema e Novo Horizonte do Sul. Já na Norte Camapuã, Costa Rica, Rio Negro e Rio Verde de Mato Grosso são atendidos.

Na região Sudoeste são contemplados os municípios de Bela Vista, Bodoquena, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Nioaque. E, na região Sul Fronteira são Amambai, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Laguna Carapã, Paranhos, Ponta Porã, Sete Quedas e Tacuru. 

 


   
PUBLICIDADE
FB
PUBLICIDADE
Dinapoli
Contato
  • (67) 3291-3668
  • Formulário
  • Denúncia
  • www.diariodoestadoms.com.br
    Você está no melhor portal de notícias da região norte.