Acusado de tentar extorquir mais de R$ 14 milhões de advogada é preso em MS
Sábado | 15 de Agosto de 2020  |    (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
 (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
Expediente  |  Anuncie  |  Assine  |  Contato
Quinta-feira | 30 de Julho de 2020    16h00

Acusado de tentar extorquir mais de R$ 14 milhões de advogada é preso em MS

Operação entre Polícia Civil de São Paulo e Mato Grosso do Sul prendeu um homem de 44 anos na tarde de quarta-feira (29)

Fonte: Midiamax
Foto: Da Hora Bataguassu

Operação entre Polícia Civil de São Paulo e Mato Grosso do Sul prendeu um homem de 44 anos na tarde de quarta-feira (29) em Bataguassu, a 335 quilômetros de Campo Grande. Ele é acusado de ser membro de quadrilha que tentava extorquir uma advogada.
A operação foi nomeada Colubra e investigava o crime de extorsão contra uma advogada de Presidente Epitácio (SP). Ainda foi apurado que os autores mandavam mensagens e faziam ligações para ameaçarem a vítima.
Assim, conforme o site Da Hora Bataguassu, a advogada revelou que as ameaças seriam por conta da dívida de um ex-colega de trabalho. Tais dívidas, a títulos de honorários advocatícios, seriam em torno de R$ 14,3 milhões, valor inclusive objeto de cobrança judicial. 
Entre os presos está o homem de 44 anos, morador na zona rural de Bataguassu. Com ele, foram encontrados 7 celulares, 12 chips, 1 cartão de memória, 9 pen-drives e diversos documentos. Ainda segundo a polícia, ele tentou mentir o nome.
Também foi verificado que contra ele havia 4 mandados de prisão expedidos pela Justiça de São Paulo. Após ser preso, ele foi encaminhado para a Delegacia de Presidente Epitácio, responsável pelas investigações. 

www.diariodoestadoms.com.br
© Copyright 2013-2020.