Em Brasília, Reinaldo defende força-tarefa para combater crime organizado
Sábado | 19 de Outubro de 2019  |    (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
 (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
Expediente  |  Anuncie  |  Assine  |  Contato
Quarta-feira | 09 de Outubro de 2019    09h00

Em Brasília, Reinaldo defende força-tarefa para combater crime organizado

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), defendeu ontem (8), em Brasília, a criação de força-tarefa para combater o crime organizado. 

Fonte: Campo Grande News
Foto: Divulgação
Reinaldo fala ao microfone sobre força-tarefa para combater crime organizado

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), defendeu ontem (8), em Brasília, a criação de força-tarefa para combater o crime organizado. O chefe do Executivo Estadual destacou a necessidade de descontigenciar R$ 650 milhões do Fundo Nacional de Segurança Pública e também a criação de núcleos de inteligência nos estados localizados em regiões de fronteira com Paraguai e Bolívia. Reinaldo disse que os resultados positivos surtirão somente com a união dos gestores estaduais. “Nós não vamos vencer esta guerra nos morros do Rio de Janeiro se não começarmos essa blindagem com núcleos de inteligência em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, que são os Estados mais sensíveis”, disse o governador durante o 7º Fórum Nacional de Governadores.
O governador propôs a abertura de “discussão com o governo federal para desburocratizar. Dos poucos recursos que estão vindo para os Estados, que possamos usar conforme a nossa necessidade e não seguindo critérios definidos pelo governo federal”, afirmou. 

www.diariodoestadoms.com.br
© Copyright 2013-2019.