Com recorde de medalhas, Brasil fecha Pan em 2º lugar
Sábado | 14 de Dezembro de 2019  |    (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
 (67) 3291-3668  |    67 99983-4015 | 67 99996-1218  
Expediente  |  Anuncie  |  Assine  |  Contato
Segunda-feira | 12 de Agosto de 2019    09h00

Com recorde de medalhas, Brasil fecha Pan em 2º lugar

País não chegava à posição desde 1963, quando a competição foi organizada em São Paulo. EUA ficaram em primeiro e México, em terceiro

Fonte: Veja
Foto: Heuler Andrey/

Com 55 medalhas de ouro, 45 de prata e 71 de bronze, o Brasil garantiu em Lima, no Peru, sua melhor campanha na história dos Jogos Pan-Americanos, voltando a ocupar a segunda posição da classificação geral pela primeira vez desde 1963, quando a competição foi organizada na cidade de São Paulo.

As 171 medalhas conquistadas pelos atletas do país em Lima deixaram o Time Brasil atrás apenas dos Estados Unidos, que subiram no pódio 293 vezes – 120 ouros, 88 pratas e 85 bronzes -, o melhor desempenho dos americanos desde o Pan de 1995, em Mar del Plata, na Argentina.

Esta também foi a melhor campanha da história do Brasil em Pan-Americanos. Com o desempenho em Lima, o país superou os 52 ouros, 40 pratas e 57 bronzes – 157 no total – conquistados em 2007, quando a competição foi realizada no Rio de Janeiro. Na ocasião, Cuba ficou com a segunda posição na classificação, atrás dos EUA.

Há quatro anos, em Toronto, no Canadá, foram 141 medalhas brasileiras – 42 ouros, 39 pratas e 60 bronzes. O quadro geral foi mais uma vez liderado pelos EUA, seguidos pelos anfitriões do evento. O Brasil terminou com o terceiro lugar.

No Peru, Canadá e Cuba foram superados pelo México, que fecha a competição com a terceira colocação – 37 ouros e 136 total.

Os canadenses vêm na quarta posição – 35 ouros e 154 no total. Já os cubanos caíram para o quinto lugar – 33 ouros e 99 no total -, quase sendo superados pela Argentina, a sexta colocada – 32 ouros e 101 medalhas no total.

O Chile, que organizará os Jogos Pan-Americanos de 2023, ficou na oitava posição. Já o Peru superou todas as expectativas e também fez sua melhor participação na história, concluindo a competição no nono lugar. Os atletas locais conquistaram 11 ouros, sete pratas e 21 bronzes em Lima.

www.diariodoestadoms.com.br
© Copyright 2013-2019.