• Painel de Controle
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2018
Expediente      Anuncie      Assine

Coxim - Segunda

25ºMIN37ºMAX

Coxim - Terça

25ºMIN37ºMAX

Coxim - Quarta

25ºMIN34ºMAX

Coxim - Quinta

23ºMIN31ºMAX

QUADRILHA que explodiu dois bancos em Chapadão do Sul pode ser a mesma que atacou agências em Frutal
Dois bandidos e uma comerciante morreram

Reprodução/G1              09/11/2018    10h30
foto: Divulgação

Duas equipes do Garras (Delegacia Especializada na  Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros) seguem na região entre Chapadão do Sul (MS) e Goiás em busca de pistas dos quadrilheiros que explodiram os caixas e o cofre das agências do Banco  do Brasil e da CEF (Caixa Econômica Federal). Já na manhã de ontem leitores do Diário do Estado destacaram o ataque com as mesmas características na cidade mineira de Frutral quando cerca de 15 criminosos arrombaram agências da CEF e Banco do Brasil. Também tentaram invadir o Santander, mas a polícia chegou ao local. Houve troca de tiros e dois homens foram mortos. O caso foi encaminhado á fontes policiais que verificam a possibilidade de serem os mesmos que explodiram os dois bancos em Chapadão do Sul na madrugada da última quarta-feira.    

CHAPADÃO DO SUL - Em Chapadão do Sul os quadrilheiros fortemente armados explodiram os caixas eletrônicos e o cofre das agências do Banco do Brasil e da CEF por volta das 3hs45 de quarta-feira. Eram - provavelmente - uns 20 homens  que usaram táticas de guerrilha com tiros contra o quartel da Polícia Militar, em fachadas de lojas simultaneamente às explosões, numa ação sincronizada. Em Frutal os moradores da área central da cidade também foram acordados com a troca de tiros e rajas de metralhadoras. A diferença foi o fato dos quadrilheiros não terem tempo de usarem dinamites.     

DOIS QUADRILHEIROS MORTOS - Segundo a Polícia Militar de Minas Gerais houve intensa troca de tiros e dois criminosos morreram e uma adolescente atingida por bala perdida. A exemplo de Chapadão do Sul há busca s região em busca dos fugitivos.  Durante a fuga os ladrões renderam e atiraram contra uma comerciante.  Testemunhas contaram que os cinco homens encapuzados e armados bateram na porta e queriam o veículo da mulher. Atiraram na porta e atingiram a vítima que chegou a ser atendida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.    

ARMAMENTO APREENDIDO - A Polícia Militar também informou que foram encontradas munições de fuzis, submetralhadoras, escopetas e pistolas, sendo que parte dessas armas são de uso exclusivo das forças armadas. Vidros das vitrines de algumas lojas próximas aos bancos ficaram estilhaçados ao serem atingidos durante a troca de tiros.  Ainda, três veículos foram roubados em Frutal, uma pick-up de uma usina que foi abandonada próximo ao pátio da prefeitura e um carro, também roubado e abandonado no cemitério.  
Criminoso preso  - Durante a manhã de quinta-feira um homem ferido por arma de fogo procurou um hospital na cidade mineira de Planura para atendimento médico. Ele foi encaminhado ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM) em Uberaba, onde passa por cirurgia. Segundo o comandante, o suspeito negou fazer parte da quadrilha que tentou assaltar bancos em Frutal, mas ainda sim foi preso para esclarecimentos. “Ele é de Ribeirão Preto e já tem passagens por roubo a banco”, afirmou. 


   
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Contato
  • (67) 3291-3668
  • Formulário
  • Denúncia
  • www.diariodoestadoms.com.br
    Você está no melhor portal de notícias da região norte.