• Painel de Controle
Sábado, 24 de Fevereiro de 2018
Expediente      Anuncie      Assine

Coxim - Sábado

19ºMIN33ºMAX

Coxim - Domingo

21ºMIN32ºMAX

Coxim - Segunda

21ºMIN33ºMAX

Coxim - Terça

21ºMIN31ºMAX

Sem heroi do clássico, Operário embarca para MT em "1ª final" de 2018
Galo tenta superar desgastes para sair com vaga inédita em Cuiabá

Correio do Estado              14/02/2018    13h31
foto: Anderson Ramos

A primeira decisão de 2018. Com essa mentalidade o Operário embarcou na manhã desta terça-feira (13) a Cuibá (MT), onde enfrenta os donos da casa na Arena Pantanal, às 20h30 (de MS) desta quinta-feira (15) pelo duelo de volta da primeira fase da Copa Verde.

Com a  vantagem do empate após o 1 a 0 obtido na última quarta-feira (7), no Morenão, o Galo quer manter a boa, de ainda estar invicto no ano em cinco jogos e sacramentar a liderança no Grupo A do Estadual com a goleada por 4 a 1 sobre o rival Comercial, no último sábado (10).

O histórico resultado do Comerário 188, segundo o próprio técnico Celso Rodrigues, tem de ser comemorado pela torcida e ponderado pelo grupo. "É talvez a sequência mais difícil do ano para a gente. A goleada está registrada, mas temos problemas e todos tem que estar cientes que nem todos os placares serão elásticos", disse.

A cautela do comandante alvinegro tem explicação: os desfalques. Depois de pintar a folia operariana e lançar o 'CarnaGral' nas ruas de Campo Grande, Rodrigo Gral será desfalque em Cuiabá por problemas musculares. Sequer viajou com o grupo.

Outro provável desfalque é o zagueiro Alisson Gaúcho,  também com dores, que apesar de viajar não deve ser escalado.

Os substitutos são mantidos em sigilo por Rodrigues. O baixo e rápido Igor Vilela, que após muito pedido da torcida entrou no time titular, deve manter sua vaga. A próxima experiência deve ser o meia Wanderley, autor de duas assistências no clássico e que também vem sendo ovacionado pela galera alvinegra.

Para o treinador, com dois meses e meio juntos e os primeiros sinais de desgaste físico, o trabalho em Cuiabá deverá ser leve, apenas físico. "Todos já estão cientes do que têm de ser feito", disse o comandante. 

Superando o desgaste físico, os desfalques e uma dversário mordido, que não aceitou sua única derrota no ano e poupou os titulares para o confronto de quinta na rodada do último final de semana do Campeonato Mato-Grossense, onde ficou no empate por 1 a 1 com o Poconé, fora de casa.


   
PUBLICIDADE
FB
PUBLICIDADE
Dinapoli
Contato
  • (67) 3291-3668
  • Formulário
  • Denúncia
  • www.diariodoestadoms.com.br
    Você está no melhor portal de notícias da região norte.